MAIS ESPORTES

Caio Bonfim ganha a prova de 35km na Copa Brasil de Marcha Atlética

O brasiliense Caio Bonfim (CASO-DF) venceu no domingo (9) a prova dos 35 km da Copa Brasil de Marcha Atlética, no circuito montado em um estacionamento de um shopping na cidade de Bragança Paulista (SP), com recorde brasileiro. O melhor marchador da história do Basil, já tinha um título na categoria sub-18, dois na sub-20 e de 10 consecutivos dos 20 km no adulto.
 
"Meu 11º título no adulto - minha mãe tem 8", disse o atleta sobre a conquista e sua mãe e treinadora Gianetti Bonfim. "Eu sempre dizia que era mais fraco que ela. Mas agora a marca é minha."
 
Caio, não só venceu a prova como bateu o recorde brasileiro da especialidade, que era dele, com 2:39:19, desde a Olimpíada do Rio-2016, numa das parciais dos 50 km que ele disputou no Recreio dos Bandeirantes, e em que terminou em 9º lugar.
 
Caio, ganhador da medalha de bronze nos 20 km do Mundial de Londres-2017, completou as 35 voltas no circuito em 2:33:57, num desempenho excepcional. Ele manteve um ritmo forte desde a largada, dada às 6:15, com o tempo encoberto, 17º graus de temperatura e 81% de umidade relativa do ar.
 
"O recorde era do Rio-2016. Aí fiz pela primeira vez os 35 km no Troféu Brasil do ano passado só que tinha feito os 20 km um dia antes. Eu vim para os 35 km para tentar fazer uma marca e até sábado o recorde sul-americano era 2:34:40. Eu planejei fazer o recorde sul-americano aqui, apesar de ter sete curvas por volta - são 35 voltas. Estava pronto para fazer, mas aí no sábado um equatoriano elevou a marca", disse, referindo-se a Brian Pintado, que venceu o torneio nacional, com 2:32:40. "Ainda assim fiquei até os 27 km na zona do recorde, mas as curvas foram minando e fiquei a 1:10 do recorde sul-americano, mas fizemos o recorde brasileiro, a segunda melhor marca da América do Sul."
 
A competição, que abriu o calendário 2022 da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), serviu para definir a equipe que representará o País no Campeonato Sul-Americano de Lima, no Peru, nos dias 5 e 6 de fevereiro.




VEJA TAMBÉM



MAIS ESPORTES  |   19/05/2022 19h23





MAIS ESPORTES  |   19/05/2022 19h19


MAIS ESPORTES  |   19/05/2022 19h14